Imprimir

Gramática - Tema e desinência

Escrito por David Azevedo ligado . Publicado em gramática

Gramática - Tema e desinência

Os verbos costumam indicar-se pelo seu infinito, e é essa a forma por que se registam nos dicionários: andar, correr, partir, etc. Mas há formas várias dos verbos:

1.º Eu ando depressa. Tu andas depressa. Ele ou ela anda depressa.

2.º Eu corro. Tu corres. Ele ou ela corre. Nós corremos. Vós correis. Eles ou elas correm.

3.º Eu parto. Tu partes. Ele ou ela parte. Nós partimos. Vós partis. Eles ou elas partem.

Nestas orações empregamos: 1.º o verbo andar; 2.º o verbo correr; 3.º o verbo partir.

Comparando cada uma das formas empregadas com a forma do infinito dos verbos, notamos que apenas diferem no final de cada uma das formas. Assim:

1.º Verbo: andar
2.º Verbo: correr
3.º Verbo: partir
ando
andas
anda
andamos
andais
andam
corro
corres
corre
corremos
correis
correm
parto
partes
parte
partimos
partis
partem
(and + o: contrai-se com a vogal de anda)
(anda + s)
(anda)
(anda + mos)
(anda + is)
(anda + m)
(corr + o)
(corre + s)
(corre)
(corre + mos)
(corre + is)
(corre + m)
(part + o)
(parte + s)
(parte)
(parti + mos)
(part + is)
(parte + m)

 

 

Há, portanto, uma parte que não se altera nas diferentes mudanças ou flexões: anda–, corre–, parti–; e outra parte que varia assim:

SINGULAR
1.ª pessoa - o
2.ª pessoa - s
3.ª pessoa - não tem desinência.
PLURAL
1.ª pessoa - mos
2.ª pessoa - is
3.ª pessoa - m.

A parte que varia chama-se desinência, e a parte à qual essa desinência se junta chama-se tema.

Por exemplo: no nome casas, o tema é casa e a desinência é –s; na forma verbal corremos, o tema é corre e a desinência é –mos.

A desinência que modifica a forma dos nomes chama-se desinência nominal. As desinências que modificam a forma dos verbos chamam-se desinências verbais e também desinências pessoais. São estas as que agora nos interessam.

As formas verbais indicadas derivam respectivamente dum tema comum: anda–, corre–, parti–. O tema geral de qualquer verbo encontra-se com facilidade: basta tirar o r final à forma do infinito.

Nos verbos de que estamos tratando (andar, correr e partir) vê-se o seguinte: — andar: tema verbal geral anda–; — correr: tema verbal geral corre–; partir: tema verbal geral parti–.

Note-se, no entanto, que as desinências se juntam umas vezes ao tema geral e outras ao radical. Tal facto é de fácil compreensão para quem observar com atenção qualquer das conjugações. Em ando, por exemplo, a desinência o junta-se imediatamente ao radical and + o e não ao tema (anda + o = ando).

Esses três verbos servem também para exemplificar três grupos de verbos, ou, como costuma dizer-se, as três conjugações: — verbos de temas terminados em –a, verbos de temas terminados em –e, e verbos de temas terminados em –i.

Comentários   

 
#1 Kamylla 09-04-2014 22:37
Adorei!!! Me Ajudou Muito
Citar
 

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Enviar Atividades e Recursos

Olá amigos do ensinobasico.com, para enviar fichas e atividades, ou promover ideias e projetos poderá enviar-me um documento através do UP! ou através do email: [email protected] Aguardo a vossa contribuição! Até mais.

Clique para enviar o documento