Imprimir

Gramática - Graus de significação dos nomes adjectivos

Escrito por David Azevedo ligado . Publicado em gramática

Gramática - Graus de significação dos nomes adjectivos

 

Nas frases seguintes, os nomes adjectivos lindo, puro e doce exprimem simplesmente uma qualidade ou um estado, sem indicar aumento nem diminuição. Por isso se diz que estão no grau positivo:

Este tecido é lindo.

O azeite que comprámos é puro.

Este café está doce.

Nas frases seguintes, os adjectivos bonito e bonita, precedidos dos advérbios mais, tão e menos, exprimem a comparação da qualidade de uma coisa (fato) com outra coisa, ou da qualidade de uma pessoa com outra pessoa:

O meu fato é mais bonito do que o teu.

O meu fato é tão bonito como o teu.

O meu fato é menos bonito do que o teu.

A Olívia é mais bonita do que a Júlia.

A Olívia é tão bonita como a Júlia.

A Olívia é menos bonita do que a Júlia.

Por isso se diz que estão no grau comparativo.

Nos exemplos — o meu fato é mais bonito do que o teu e — a Olívia é mais bonita do que a Júlia, o comparativo é de superioridade. Nos exemplos — o meu fato é tão bonito como o teu e — a Olívia é tão bonita como a Júlia, o comparativo é de igualdade. Nos exemplos — o meu fato é menos bonito do que o teu e — a Olívia é menos bonita do que a Júlia, — o comparativo é de inferioridade.

Portanto:

a) O comparativo de superioridade forma-se colocando o advérbio mais antes do adjectivo positivo;

b) O comparativo de igualdade forma-se colocando o advérbio tão antes do adjectivo positivo;

c) O comparativo de inferioridade forma-se colocando o advérbio menos antes do adjectivo positivo.

Nas frases seguintes, os adjectivos lindo e belo, precedidos do advérbio muito, e os adjectivos lindíssimo e belíssimo, exprimem uma qualidade elevada a um alto grau. Por isso se diz que estão no grau superlativo:

Tens um cravo muito lindo.

Tens um cravo lindíssimo.

Esta paisagem é muito bela.

Esta paisagem é belíssima.

 

VÁRIOS MODOS DE EXPRIMIR O SUPERLATIVO

O superlativo absoluto não estabelece relação entre a qualidade de uma pessoa ou coisa e a de outras. Pode ser simples e composto.

a) O simples forma-se geralmente juntando ao positivo –íssimo.

b) O composto forma-se colocando antes do positivo o advérbio mui ou muito.

O superlativo relativo estabelece relação entre a qualidade de uma pessoa ou coisa e a de outras. Pode ser de superioridade e de inferioridade.

a) O superlativo relativo de superioridade forma-se colocando antes do positivo o mais.

b) O superlativo relativo de inferioridade forma-se colocando antes do positivo o menos.

ABSOLUTO
SIMPLES: este fruto é saborosíssimo
COMPOSTO: este fruto é mui ou muito saboroso
RELATIVO
DE SUPERIORIDADE:
DE INFERIORIDADE:
este fruto é o mais saboroso do pomar
este é o mais saboroso fruto do pomar
este fruto é o menos saboroso do pomar
este é o menos saboroso fruto do pomar

Comentários   

 
#2 olaaaaaaaaaaaaadebora 17-05-2015 16:16
obrigada por isso que me ensinaram
Citar
 
 
#1 oladebora 17-05-2015 16:12
ooooooooooooooo ooooobbbbbbbbbb bbbbbbrrrrrrrrr rrrrrrrrrrrrrri iiiiiiiiiiiiiii iiiiiiiiiiggggg gggggggggggggga aaaaaaaaaaaaaaa aaadddddddddddd dddddddddaaaaaa aaaaaaaaaa
Citar
 

Comentar


Código de segurança
Atualizar

Enviar Atividades e Recursos

Olá amigos do ensinobasico.com, para enviar fichas e atividades, ou promover ideias e projetos poderá enviar-me um documento através do UP! ou através do email: [email protected] Aguardo a vossa contribuição! Até mais.

Clique para enviar o documento