Do PayWall para o PayAll.

Em Portugal o preço é "concertado" e fica por 99 euros a subscrição anual.

jornais

Se é um leitor assíduo de jornais e prefere poupar 200 euros anuais poupando no papel então experimente o Jornal em formato e-paper.

Pode pensar que a edição impressa traz muitas vezes suplementos e revistas gratuitas, a maior parte dos jornais portugueses  também oferecem essa consulta sem custo extra.

A verdade é que o formato e-paper fica mais barato ao jornal e ao cliente, os jornais já começaram a restringir a extensão da informação nos seus Websites, numa tentativa de incentivar os leitores habituados a ler gratuitamente as notícias online, a transferirem-se para a assinatura da versão e-paper.

Outra verdade é que se esta moda não "pegar" é possível que alguns jornais entrem em falência, mas se a moda "pegar" haverá muitos donos de Quiosques que também fecham as bancadas. Parece que há sempre quem ganhe e perca, mas a minha previsão é que não haverá uma grande adesão ao formato e-paper, porque o perfil dos leitores online é errante. Por exemplo eu, sou editor de notícias (blogger) e consulto os jornais para saber o que anda a acontecer, mas consulto-os a todos e também a diversos outros blogues. Quero dizer com isto que o meu interesse não recai sobre um jornal em particular, mas sim sobre as notícias. 

O meu conselho aos Media portugueses, e espero que esta mensagem chegue a eles apesar do techturn.net só ter alguns dias, é de que deviam inovar no formato PAYWALL para o formato PAYALL, onde com uma única assinatura o leitor tem acesso a todos os jornais, mantendo o mesmo preço apelativo, subindo-o gradualmente ao longo de anos.

Fonte da notícia: techturn.net