Poema de Natal

Poema de Natal

Apenas um sorriso aberto à flor do rosto
abelha-mãe em favos de doçura
e será Natal no mês de Agosto
ou em Maio ou em Junho ou em Janeiro
desde que ames com ternura
desde que vivas
que sonhes
que sorrias
desde que te entregues aos outros por inteiro
será Natal TODOS OS DIAS!!